Prof. Jorge Paiva deu Palestra em Pedrógão Grande

“O Planeta é uma gaiola e o mais importante é mantê-la limpa”

Promovida pelo Agrupamento de Escolas de Pedrógão Grande (AEPG), com o apoio da Câmara Municipal, teve lugar no passado dia 14 de maio no Auditório da Casa Municipal da Cultura (CMC), uma palestra proferida pelo Professor Doutor Jorge Paiva, onde se falou de Biodiversidade, tema pertinente nos tempos que correm, mas, ao mesmo tempo, desafiador por tão vasto que é.

A palestra destinou-se, prioritariamente, aos alunos do AEPG, mas foi aberto ao público em geral que praticamente lotaram o auditório da CMC.

A iniciativa teve lugar no âmbito da colaboração do Professor Jorge Paiva com o Projeto “Pilritar”, desenvolvido por alunos do 8ºano do AEPG e que, entretanto viu o seu mérito reconhecido com a conquista do “4º Prémio Jorge Paiva – Escola e Responsabilidade Ambiental” e no Concurso de Ideias do “Prémio Fundação Ilídio Pinho – Ciência na Escola 16.ª Edição–2018/2019” e como uma das candidaturas selecionadas para a fase de desenvolvimento, entre mais de 1400 projetos a concurso.

A Câmara Municipal fez-se representar pela Vice-Presidente, Margarida Guedes, a quem coube a primeira intervenção e as primeiras palavras de sensibilização para a proteção da natureza e o educar para a preservação da mesma. Agradeceu depois a presença e a colaboração do Prof. Jorge Paiva que, pelo seu trajeto e prestígio, considerou ser a voz que precisamos de ouvir.

Palavras partilhadas pela coordenadora do projeto, Profª. Maria da Conceição Assunção que referindo-se depois ao projeto, apelidou de “sonho de um futuro mais simpático”.

Comunicador pertinente, vivo e expressivo, o Prof. Jorge Paiva captou a atenção de todos para a necessidade de se proteger eficaz e sustentadamente a natureza e apelou aos jovens alunos para serem os futuros defensores dessas causas, confirmando que não gosta de manter o conhecimento só para si, e o ser conhecido entre os seus antigos alunos e todos quantos têm oportunidade de assistir às suas palestras como um orador cativante.

“O Planeta é uma gaiola e o mais importante é mantê-la limpa” foi uma das frases utilizadas e que ilustra bem a sua linguagem apelativa e motivadora.

Nas últimas décadas a ação humana nos ecossistemas naturais tem vindo a afetar cada vez mais espécies da fauna e flora do planeta. As profundas intervenções das diferentes atividades humanas têm acelerado o ritmo de extinção de mamíferos e aves. A grande preocupação que existe hoje é a de que o ser humano esteja a provocar o desaparecimento de muitas espécies num curto espaço de tempo, o que poderá conduzir à redução drástica dessa biodiversidade.

Considerado um dos maiores peritos portugueses da floresta, nasceu a 17/09/1933, em Angola. O Prof. Jorge Paiva é professor jubilado da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra e reconhecido investigador no ramo da Botânica, Fitotaxonomia e Palinologia, assim como empenhado defensor de uma mais participada defesa ecológica.

Foi também professor convidado em várias faculdades de Portugal e Espanha.

A sua atividade científica e em defesa do meio ambiente foi já distinguida com vários prémios. Publicou trabalhos sobre filo taxonomia, palinologia, biodiversidade e ambiente.

Apresentou variadas comunicações e proferiu diversas conferências em congressos e ações pedagógicas.

Tem sido colaborador de algumas floras africanas. Assim, tem integrado grupos internacionais de investigadores em estudos e colheitas de material de campo, não só na Península Ibérica, como também em países africanos (Moçambique, Quénia, Seychelles, Tanzânia, Zimbabwe, Angola, Cabo Verde e S. Tomé e Príncipe), asiáticos (Timor, Tailândia e Vietname) e americanos (Brasil e Paraguai). Conta com mais de 500 publicações nas áreas do ambiente, da palinologia e da fitotaxonomia.

Comments are closed.

Scroll To Top