Ministro Pedro Marques inaugurou o Parque do Vale da Pipa

Decorreu no dia 2 de Janeiro a inauguração do novo Parque Urbano de Figueiró dos Vinhos – Parque do Vale da Pipa, um investimento de 677 mil euros, 85 por cento dos quais apoiados pelo CENTRO2020, no âmbito do Eixo Afirmar a Sus­tentabilida­de dos Territórios (Conservar).

Trata-se de um projecto que na altura da sua decisão foi noticiado pelo nosso jornal, e que abrange a zona envolvente ao Estádio Municipal Afonso Lacerda, onde já existia um polidesportivo, um parque de skate e um pequeno parque infantil, tendo agora sido criadas zonas de estadia, um pequeno campo de jogos tradicionais e área para jogos de mesa com uma zona para a prática de ténis de mesa ao ar livre, um parque de merendas, um parque geriátrico onde as várias gerações podem praticar desporto. Foi ainda construída uma rede de caminhos e de ciclovias em redor de todo o Vale da Pipa.
O evento, realizado pelas 16h00, contou com a presença de diversas entidades oficiais, entre as quais o Ministro do Planeamento e das Infraestruturas, Pedro Marques, João Paulo Catarino, Secretário de Estado da Valorização do Interior, Raul Castro (Presidente da Comunidade Intermunicipal da Região de Leiria – CIMRL), deputado José Miguel Medeiros, e autarcas de diversos municípios da CIM RL.

A sessão de inauguração contou com as intervenções de Jorge Abreu, Presidente da Câmara Municipal figueiroense e de Pedro Marques, e com a apresentação da Área de Reabilitação Urbana da Vila de Figueiró dos Vinhos (ARU) e dos Projetos de Regeneração Urbana no Espaço Público (PARU) já realizados e em fase de concretização.

O evento teve ainda a exibição de um pequeno vídeo demonstrativo da evolução da obra que originou o belíssimo Parque e terminou com o simbólico descerramento da sua placa identificativa e de uma curta visita pela zona envolvente.

Para Jorge Abreu, este foi “um dia de festa e celebração, a obra apresentada e inaugurada constitui um feliz exemplo de uma intervenção de reabilitação urbana do espaço público que trará para o concelho um claro benefício de valorização urbanística, paisagística, ambiental e social” e constituirá, deste modo, mais uma fonte de atratividade do concelho e, consequentemente, da Zona do Pinhal Interior.

Pedro Marques elogiou o trabalho do município figueiroense na reabilitação e crescimento da Vila, do concelho e da sua zona urbana, acrescentando que esta obra teve a “arte de com pouco fazer muito…a obra não sendo uma obra muito cara, é uma obra que transforma o espaço urbano e a vivência urbana e faz crescer o concelho de um modo equilibrado dando mais qualidade de vida à população”.

O Ministro do Planeamento e das Infraestruturas referiu-se também a Jorge Abreu que congratulou pela sua prioridade na reconstrução e valorização económica do território, “um presidente que compreendeu que para poder dar mais futuro a Figueiró é preciso ter mais emprego… portanto houve sempre esta preocupação de encontrar espaços para localizar novas empresas no concelho e fixar mais emprego… e reconstruindo as comunidades mais afetadas pelos incêndios, reconstruindo ou valorizando o espaço urbano como está a ser feito aqui (Parque do Vale da Pipa) e valorizando a dimensão económica do concelho como está a ser feito nas zonas industriais há condições para que o concelho seja um concelho mais atrativo e com mais futuro”.

 

 

Comments are closed.

Scroll To Top