Kalidás Barreto: Crónicas da Serra da Lousã

António Arnaut

Companheiro de tantas lutas, quer na oposição ao Estado Novo e na candidatura do General Humberto Delgado, quer nos primórdios do Partido Socialista, quer depois na Assembleia Constituinte, o meu camarada e amigo, o “Pai” do Serviço Nacional de Saúde, António Arnaut “partiu para outras lutas” no passado dia 21 de Maio. Nas palavras do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa “um cidadão impoluto e um lutador pela democracia”.

Duas fotos anexas a este pequeno texto de homenagem: uma, em Coimbra, em Julho de 1974, com François Mitterrand e Mário Soares, entre outros, a outra em 2012 com outro camarada e amigo, Júlio Henriques.

Que descanse em Paz

 

 

Comments are closed.

Scroll To Top