Época balnear em Pampilhosa da Serra

Por regra, o dia 1 de julho marca o início da época balnear no concelho de Pampilhosa da Serra. Como não podia deixar de ser, nesta altura do ano, as quatro praias fluviais do concelho são os principais cartões de visita e dos locais mais procurados.

Na presente época balnear o concelho conta com 3 praias fluviais – Pessegueiro, Janeiro de Baixo e Santa Luzia, que juntam a Bandeira Azul ao galardão “Qualidade de Ouro”, atribuído pela Quercus – Associação Nacional de Conservação da Natureza, que distingue a qualidade da água balnear das praias portuguesas.

Recorde-se que a Autarquia decidiu não candidatar a Praia Fluvial de Pampilhosa da Serra a ambas as distinções, devido a uma intervenção no leito do rio inicialmente prevista para antes do início da época balnear, que poderia comprometer os resultados das análises à água. Ainda assim, foi decido que a obra só avançará após terminar o período balnear, para que a praia possa funcionar sem qualquer limitação, devidamente vigiada e com a qualidade habitual.

Devido à pandemia e de acordo com a informação disponibilizada pela APA – Associação Portuguesa do Ambiente, a lotação máxima das praias do concelho é a seguinte: Janeiro de Baixo (310 pessoas); Pampilhosa da Serra (330 pessoas); Pessegueiro (140 pessoas) e Santa Luzia (110 pessoas).

À semelhança do que aconteceu o ano passado, a Câmara Municipal irá assegurar todas as normas de segurança recomendadas pela Direção-Geral da Saúde e apela a que os banhistas utilizem a app Info Praia, privilegiando as praias com um nível de ocupação mais baixo.

O território possui igualmente inúmeras zonas ribeirinhas e outros espaços públicos de acentuada beleza, que podem constituir-se como excelentes alternativas às praias fluviais certificadas, de modo a evitar grande aglomerados. A localização da maioria destes espaços e as suas caraterísticas pode ser conhecida através da app Pampilhosa da Serra, disponível para IOS e Android e que pode ser descarregada gratuitamente.

As sucessivas distinções obtidas pelas praias fluviais do concelho, continuam a atestar as potencialidades do território, nomeadamente no que diz respeito à qualidade da água e das infraestruturas, da segurança e conforto dos utilizadores, facto que espelha a preocupação do Município na preservação e promoção do património natural e paisagístico.

Comments are closed.

Scroll To Top