Castanheira de Pera: Casa do Tempo: 20 anos de serviço público

A Casa do Tempo completa 20 anos de serviço público, uma vez que foi inaugurada por Ferro Rodrigues, na altura Ministro do Equipamento Social, em 4 de Julho de 2001.

Durante este período, o museu já recebeu  mais de 240 exposições temporárias, deu a conhecer as obras / colecções de cerca de 800 Artistas/ Artesãos/Coleccionadores/Instituições, tendo recebido as visita de quase 63 000 pessoas.

Parabéns à Casa do Tempo!

 

Casa do Tempo vai a Fanhais

Através do projecto «Museu na Aldeia» e da interligação entre os museus e as comunidades dos 26 Municípios da REDE CULTURA 2027, a Casa do Tempo encontra-se a expor algumas peças da sua colecção nas instalações da Universidade Sénior de Fanhais (antiga escola primária).

Os objectos seleccionados pela Casa do Tempo pretendem dar a conhecer um pouco mais do concelho de Castanheira de Pera e irão ficar expostos em Fanhais até ao próximo dia 18 de Julho de 2021, podendo ser apreciados, aos Domingos das 15h às 17h, pela comunidade local e por todos aqueles que passem por esta simpática aldeia situada a 8 quilómetros da Nazaré.

 

Eunice Arnauth na Casa do Tempo com “Hope”

A Casa do Tempo apresenta a exposição de cerâmica de autor de Eunice Arnauth, intitulada “Hope”.

A jovem artista, com atelier em Pedrógão Pequeno, autodefine-se com as seguintes palavras:

«O mundo da cerâmica contemporânea tem-me dado a descobrir novas realidades, novas cores e novos formatos; todavia, este mesmo mundo faz-me sempre voltar ao meu início em Pedrógão Pequeno.

É neste local mágico, que encontro os verdadeiros tons de verde que caracterizam os nossos pinhais, onde os azuis das minhas peças se identificam no curso de águas cristalinas destas serras.

O meu processo criativo é feito de alegria porque tem o som de fundo das gargalhadas das crianças da aldeia entre elas ouço com distinção o riso das minhas duas filhas, o que se traduz na serenidade das minhas peças.

A formação e os processos de aperfeiçoamento têm-me levado a outros lugares do mundo, mas fico sempre com ambição de tornar este meu Pedrógão Pequeno um bocadinho maior, capaz de nos acolher a todos.

O design de autor é um convite a uma viagem em cerâmica timbrada de emoções que vêm da alma e de sensações válidas pelo olhar.»

A exposição será inaugurada no próximo dia 3 de Julho, integrada nas comemorações do dia do concelho, e ficará patente até ao dia 15 de Agosto.

António B. Carreira

Comments are closed.

Scroll To Top